Músicas

ATIREI O PAU NO MÚSCULO


Para a concentração do mús-cu-lo

Acti-na-na
Miosi-na-na
Não encurtam-se
Só deslizam-se
Sempre com, sempre com
Grande gasto de ATP
Iáááá...

BABA BRANCA (Asa Branca)

O alimento entrou, e foi logo deglutido


Foi pra pança com as bactérias          | BIS
e desceu até o barrete                         |

A bolinha regurgitou, pelo estômago voltou

Foi até o folhoso, então                      | BIS
ao coagulador                                     |

Mas agora ela não volta
Sofre digestão assim

Para o intestino absorver                   | BIS
e o processo chega ao fim                 |

No estômago do boi
vivendo em simbiose

Bactérias, em mutualismo                 | BIS
digerem a celulose                             |


SINOS DE BELÉM


O encéfalo é formado lembre sempre bem

pelo cérebro, cerebelo e bulbo também
O encéfalo junto com a medula espinhal
constituem o sistema nervoso central
e agora...

O sistema autônomo tem duas divisões
uma é simpático que acelera os corações
O parassimpático pra contrabalançar
faz o coração bater mais devagar.

CIRANDA, CIRANDINHA MUSCULAR

Actina e Miosina

para o Músculo trabalhar

utilizam energia
que o ATP deixa pegar

E quando ele relaxa,
o ATP recarregou,
o CP deu energia
que ADP logo aceitou

Se acumula ácido lático
é porque já fatigou
e se não mais relaxar
contratura muscular

Uma fibra muscular
quando é estimulada
obedece a famosa
Lei do “Tudo ou nada”

EXOESQUELETO DO INSETINHO (Terezinha de Jesus)


Exoesqueleto do insetinho

Vem o corpo sustentar

traga logo sua quitina

Pro insetinho não secar

Exoesqueleto do insetinho

Chegou a hora de mudar
Graças a Ecdisona

O velho vai destacar


Com hormônio Neotenina
Mosquito jovem vai ficar
E na idade adulta
Ele não vai mais mudar

ARCO REFLEXO


Acontece

Martelo bateu
Impulso
formou
A se propagar
Papai Noel
Me ajuda lembrar
Do arco reflexo
no vestibular

O impulso quando sai
Sai de um receptor e vai,
O caminho é sempre igual
Neurônio sensorial
Até a medula espinhal

Depois disso passa então
Pro neurônio se associação
E depois para o motor
Que é o estimulador
Do seu órgão efetor

Papai Noel
Me ajuda a lembrar
Do arco reflexo
No vestibular


CADEIA RESPIRATÓRIA


Muitos peixes e alguns moluscos

Usam brânquias na respiração
E a aranha está usando sua filotraquéia
E o homem o seu pulmão
E a minhoca outra vez, com seu sangue atuando
Pelo tegumento respirar
Eu sou aquele O2
Que no corpo entrou
E da respiração participou
Na mesma cadeia respiratória
Que ocorre na célula
Vou fofoliar agora, não me leve a mal
RESPIRAÇÃO É VITAL.

ESQUELETO MARAVILHOSO


Esqueleto maravilhoso

Faz sustentação
Protege, impermeabiliza
Ajuda a locomoção
Todo inseto tem exoesqueleto
Cujo reforço é quitina
Pro crescimento faz muda, ecdise
Usando a neotenina (e ecdisoma).

JARDINEIRA


Oh! Alimento porque estais tão triste

Mas o que foi que aconteceu
Foi a saliva que caiu na placa
Atacou o amido e embebeu

Com a Pitalina ela o atacou
E o azul do iodo transformou
O vermelho apareceu
E o branco depois ficou.

PARABÉNS PRA VOCÊ


Se você come um bife

Você comeu proteína
Surge Amônia e Uréia
E estas saem na urina

SANGUE DE JACQUES (Frère Jacques)

Tromboplastina, Tromboplastina

Em presença de Cálcio, em presença de Cálcio
Transforma a Protombina, transforma a Protombina
Em Trombina, em Trombina
E a Trombina, e a Trombina
Transforma o Fibrinogênio, transforma o Fibrinogênio
Em fibrina, em fibrina
E o sangue coagulou, coagulou.

TURMA DO FUNIL


Chegou o impulso do dentrito

passou pro corpo e seguiu
pro axônio e sinapse
olha, aí
Lá se foi mais uma mais mil

Secreta adrenalina                         |         
ou Acetilcolina                                | BIS
e assim mais um impulso             |
passou!                                             |

SE A PRESSÃO (Se esta rua fosse minha)

Se a pressão, se a pressão, estiver alta

O Bulbo manda, o Bulbo manda abaixar,
Avisando, avisando, o nervo vago
para a Acetilcolina liberar

Se a pressão, se a pressão, estiver baixa

O Bulbo manda, o Bulbo manda aumentar,
Avisando, avisando, o sistema simpático
para a Adrenalina liberar


CARANGUEJO, CRUSTÁCEO É (Peixe na Maré)

Camarão tem Glândula verde

Para a amônia eliminar
A minhoca tem nefrídeos
Que usa para excretar

Palma, palma, palma,
Pé, pé, pé,
Roda, roda, roda,
Caranguejo, crustáceo é

Inseto, Tubos de Malphigi
Respiração que é traqueal
Planária, Célula-Flama
Aranha, Glândula coxal

Palma, palma, palma,
Pé, pé, pé,
Roda, roda, roda,
Caranguejo, crustáceo é

O homem produz amônia
no meio intracelular
o fígado muda para uréia
e o rim, vai excretar

Palma, palma, palma,
Pé, pé, pé,
Roda, roda, roda,
Caranguejo, crustáceo é

Amônia, que é muito tóxica
Consome água na excreção
Ácido úrico que não é tóxico
na terra ajuda na adaptação

Palma, palma, palma,
Pé, pé, pé,
Roda, roda, roda,
Caranguejo, crustáceo é.

CIRANDA, CIRANDINHA


Ornitina, Citrulina, Arginina, vamos lá

Pra formar a Uréia, do que vamos precisar
Duas de amônia, três de água e um de CO2
Completando esse ciclo
Urina fica pra depois.

" TENTEI MATAR A ESPONJA"
Tentei matar a esponja Eu cortei ela no meio Mas a esponja se fragmenta Se refez, se refez e disse assim: BOBA!!
Ritmo: "Atirei o pau no gato..."    

"ESPONJA MUITO ENGRAÇADA"
Era uma esponja muito engraçada Não tinha tecido, não tinha nada Utilizava p'rá fazer xixi A difusão que existia alí Do mesmo jeito era a respiração Só tinha água na circulação !
Ficar nervosa, não poderia Pois o neurônio ainda não existia P'rá resolver a sua nutrição O coanócito faz digestão !
 
Ritmo: infantil "era uma casa muito engraçada..."
 
 

"A DOENÇA AMARELÃO"
A doença amarelão, um verme é que vai causar Ancilostoma é o nome dele, na pele a larva vai penetrar
As larvas vão penetrando, caem na circulação, pelo ciclo de loss, atravessam o pulmão.
Não posso andar descalço, privada eu vou usar Acho que estou com anemia: tô tão fraco que não posso andar.
 
Ritmo: Casamento caipira. "Com a filha de João"
 
 
"INSETO, EU QUERO"
Inseto, eu quero / Inseto, eu quero. Inseto eu quero respirar. Me dá a traquéia / me dá a traquéia. Assim meu sangue não vai ter que transportar O2, O2, O2.
O caramujo respira por pulmão, Brânquia é utilizada por ostra e camarão. A filotraquéia é usada pela aranha, O sapo e a minhoca têm respiração cutânea. Ritmo: carnaval - "mamãe, eu quero"
 
 
"VIROSE NO BUMBA"
Essa caxumba não pego mais Sarampo, varicela, aids, nunca mais! Poliomielite, não acredite, ao invés de hidrofobia peguei uma gripe! (que raiva!!)
é, é, ela pode ser varíola ou febre amarela; é, é, ela talvez encefalite ou uma rubéola!
 
Ritmo: Bagulho no Bumba (virgulóides)
   

"NO RITMO DA EMBRIOLOGIA"
 
Se você fosse um Chordata Ou Echinodermata Deuterostômio seria O seu ânus do blastóporo viria !!
Ritmo: Carnaval "Se você fosse sincera…Aurora."
 
 

"BALANCÊ DAS VITAMINAS"
Sem a vitamina C, / Escorbuto pega você E o raquitismo acontece, porque Falta a vitamina D.
Quando há cegueira noturna, / Falta a vitamina A Quando há hemorragia, Falta a vitamina K
Sem a vitamina E, / Rato não vai ter nenê E o beri-béri acontece porque, Falta a vitamina B (um)  
Ritmo: carnaval "O balancê, balancê, quero dançar com você…"  

"DOENÇA DE CHAGAS"
Doença de Chagas Ataca o coração O barbeiro, faz a transmissão (FEZES!)
Trypanosoma cruzi É quem causa a lesão!! Ritmo: infantil - "Escravos de Jó"
 

"BACTERIOSE NO BUMBA"
Pneumonia não pego mais Tuberculose, coqueluche, cólera jamais! Gastroenterite, não acredite, ao invés de gonorréia peguei meningite! (não é sífilis?!)
óide, óide, óide pode ser botulismo ou febre tifóide; étano, étano, étano se eu pisar num prego eu vou ter um tétano!
Ritmo: Bagulho no Bumba (virgulóides)  

"SEGMENTEI O PAU NO GATO"
Ovo quando segmen-ta-ta forma mó-ru-la, depois blás-tu-la
O Blastó-po-ro só apare-ce-ce no arquên- no arquêntero da gástrula!
 
Ritmo: infantil - "Atirei o pau no gato-to…"
 
"EXCREÇÃO CORINTIANA"
Planária, ‘cê não me engana / Você excreta por célula-flama Planária, ‘cê não me engana / Você excreta por célula-flama. Toda lombriga, tubos em "H" Molusco e anelídeo, nefrídio pr’á excretá
No inseto, não duvide / No intestino tubos de Malpighi. Toda aranha, glândula coxal E as glândulas verdes, Crustáceos em geral.
A planária não me engana: ela excreta por célula-flama.  
Ritmo: "Coração corintiano: Doutor, eu não me engano…"
 

"GAMETOGÊNESE DE JESUS"
 
A primeira multiplica, por mitoses sucessivas São as gônias, coitadinhas, diplóides e bem parecidas. Na segunda, crescimento, não ocorre divisão São os ócitos primários prontos p’rá maturação.
Se for macho, acreditem, quatro zóides vai formar; Se for fêmea, só um óvulo e três "glóbulo polar".
Ritmo: infantil - " Terezinha de Jesus."
 
 

"SE EU COMER CARNE DE PORCO"
Se eu comer, se eu comer carne de porco Com a larva cisticerco a infestar posso ter uma tênia no meu corpo solitária no intestino vai ficar.
Se eu comer, se eu comer ovos da tênia (SOLIUM) Suas larvas no meu corpo vão migrar (EU SOU O PORCO) instalando-se no sistema nervoso (CÉREBRO), cisticercose eu agora vou pegar.
 
Ritmo: infantil. "Se essa rua, se essa rua fosse minha…
 
 
"CIRCULAÇÃO DA XUXA"
Tá na hora, tá na hora / Desse sangue circular Do ventrículo direito / Prá artéria pulmonar Do pulmão vai p’ruma veia / Que se chama pulmonar Átrio e ventrículo esquerdo / Para aorta bombear
Ilá-ilá-ilariê, ar-ar-ar É o sangue venoso na artéria pulmonar Ilá-ilá-ilariê, ar-ar-ar É o sangue arterial na veia pulmonar
Através da veia cava / Sangue pode retornar Para o átrio direito / Para tudo começar.
 
Ritmo: infantil da Xuxa: "Ilariê..."
 

"ARCO REFLEXO NO VESTIBULAR"
Aconteceu / martelo bateu, / impulso formou, a se propagar. Papai Noel / me ajude a lembrar / do arco do reflexo no vestibular!
O impulso quando sai / sai de um receptor e vai o caminho é sempre igual / neuronio sensorial até a medula espinhal
Depois disso passa então / pro neurônio de associação e depois para o motor / que é o estimulador do seu órgão efetor!
Ritmo: Canção de Natal "Anoiteceu, o sino gemeu, …"  
 

"O CRAVO BRIGOU COM A ROSA E SEUS ANEXOS EMBRIONÁRIOS"
O ovo, com seu anexos Protege, o embrião O âmnio, evita choques Não deixa perder água não!
Alantóide, guarda os excretas Permite a respiração Remove os sais da casca E com vitelo, não há fome não!!
 
Ritmo: infantil - "O cravo brigou com a rosa"
 

"INVERTEBRADOS DA PÁSCOA EVOLUTIVA"
Querida planária, que trazes pra mim? -três folhetos, sem celoma e respiro assim: através da epiderme gases passam por mim!
Ó dona lombriga, conta tudo pra mim! -meu tubo digestivo já tem ânus, enfim! -pseudoceloma distribui o alimento pra mim!
Querida minhoca, se explica pra mim! -circulação fechada com corações tenho sim! -Intestino com tiflossole e celoma pra mim!
 
Ritmo: Infantil "Coelhinho da páscoa"

OSMOSE (A Banda)

Estava à toa na água

E o vacúolo sugou
Passou pela plasmalema
Osmose então começou
Se o meio for hipotônico
A água tende a entrar
Mas a parede resiste
Ela não pode estourar

Quando PO se iguala a PT, saiba que
A DPD se iguala a zero porque
Se então a água não consegue entrar
Ela ficou saturada é turgidez celular

Mas se PT vale zero
E a água sae sem parar
O citoplasma retrai
Plasmolisada ele está

É o vento que vai polinizar
A semente é o pinhão
E a pinha é uma flor-ô-ô-ô...

PAPEL CAMÉLIA

Bromélia, epifitismo

no cupim mutalismo
ANU cooperação
E o tubarão comensalimo
predatismo, parasitismo
e a competição
são prejudiciais a toda população

QUADRILHA (Casamento na Roça)

Com o núcleo espermático

oosfera, ia se casar
e um lindo embriãozinho
oosfera iria formar

O outro núcleo espermático
casou-se com núcleos polares
assim nasceu o endosperma
em milho e outros lugares

Essa tal tubo polínico
é o gametófito masculino
e o tal saco embrionário
gametófito feminino.

SÍNTESE PROTÊICA ( Chapeuzinho Vermelho)

Pelo citoplasma eu vou bem cedinho

Levar a mensagem para o ribossomo
Ele mora longe
Lá no Ergastoplasma
e uma proteína ele vai produzir
e a proteína que foi produzida
pode ser enzima
indispensável à vida.

TECIDO CONDUTOR (Cisne Branco)

Lenho ou xilema leva a seiva bruta

Que é uma mistura de água e sais
Líber, floema, a elaborada
Água e açúcar dos vegetais

O lenho fica mais internamente
O líber mais para o exterior
Só nas pteri, gimno e angio
Existe tecido condutor.

VOCÊ PENSA QUE CACHAÇA É ÁGUA (Cachaça é Água)

Se você pensa que Xilema é Líber

Xilema não é Líber não
sustenta e conduz seiva bruta
por força da transpiração

Pode-se formar o açúcar
Descer pelo “transporte em massa”
Só que a seiva elaborada
na raiz é armazenada

SE você pensa que epiderme é Súber
Epiderme não é Súber não
o Súber tem lenticelas
que permitem a respiração

pode-se podar as plantas
tirando sua gema apical
pois sem este meristema
o crescimento é lateral

Se você pensa que madeira é dura
Nisso você tem razão
Esclerênquima e Colênquima
São tecidos de sustentação.


9ª DE BEETHOVEN

Centríolo locomoção
Ajuda na divisão, lá, lá, lá, lá...
Síntese protéica é comigo ribossomo
E a digestão fica comigo lisossomo
Mitocôndria respiração
Golgi armazena secreção.

CAFÉ SELETO

Depois da Endocitose

Forma o fagossomo
Que o Lisossomo
Ataca com muito jeitinho
A união de ambos é
o Vacúolo digestivo
que digere o alimento
com todo o carinho
Corpo residual
tem restos de alimento
que não foram aproveitados
e são clasmocitados
clasmocitados, clasmocitados...

MARCHA DOS ORGANÓIDES (S’imbora daqui)

É hoje que a Mitocôndria

Faz energia
Eu vou respirar
Enquanto que o ribossomo
A proteína ele vai sintetizar

Golgi, armazenar
Pra depois secretar
Lisossomo vai o alimento quebrar
Tim, tim, tim, tim, Tim, hei!
Tim, tim, tim, tim, Tim, hei!
Centríolo divide a célula assim
Tim, tim, tim, tim, Tim, hei!
Tim, tim, tim, tim, Tim, hei!
Centríolo controla o flagelo assim

MEU ERRO (Meu Erro – Paralamas...)

Uso ATP

Que é para transportar
Contra o gradiente
Nós vamos lutar
Desprendendo energia
do metabolismo celular
podemos citar bomba ,
Você vai perceber
que do menos concentrado
vai lá pro outro lado
Gastaria
ATP envolvendo gasto de energia
É o transporte
Ativo com moléculas
pra transportar.

OLÊ-LÊ-OLÁ-LÁ (Pega no Ganzá)

Olé-lê-olá-lá

Proteína é importante
Na estrutura celular

Tem função enzimática
Tem função hormonal
Forma os lindos anticorpos
Ela é sensacional
Todo a enzima é proteína
E o contrário está errado
E a queratina
É a proteína do tegumento dos vertebrados

No tegumento dos mamíferos
Você vai encontrar
Uma rica hipoderme
Com gordura pra isola
Epiderme vem da ectoderme
E a mesoderme da hipoderme
Para a pele completar.

PLASMALEMA (Madalena)


Ô! Plasmalema!
Meu estudo percebeu
Que não há transporte ativo
Sem presença de ATP ê, ê, ê, ê

E a ameba
Quando quer se alimentar
Usa a fagocitose
Pro alimento englobar

Ô! Plasmalema!
Além de elástica, ainda é fina
Tem lipídios de proteínas
Na sua constituição

E tem ainda
As microvilosidades
Invaginações da base
E interdigitações
E a osmose
Que é um transporte passivo
Pois não gasta ATP
Vai pela concentração.

QUEM TEM DNA?

Cromossomo, tem...                   |
Mitocôndria, tem...                     |  (bis)
Cloroplasto, tem...                      |
e o centríolo tem , também...      |

TRANSPORTE DAS ONZE (Trem das Onze)

Não sei transportar

Nem mais um minuto sem ATP
Sou ativo, amor
Não vá me esquecer
Fago, Pino, Clasmô
Bomba  e
São exemplos, minha amada


E o passivo, mulher
É outra coisa
ATP não é necessário gastar
Exemplos únicos
Osmose e difusão para lembrar
Isso que é transportar

CÉLULA PSSAGEIRA (Nuvem Passageira)

Eu sou célula passageira        |
Que com o sangue se vai       |     BIS
Vou levando oxigênio           |
para o corpo respirar             |

Se a hemoglobina se combinar com o CO
essa união estável vai ficar
e o oxigênio que é indispensável à vida
na célula viva não vai poder chegar

qr, ar, ar, ar ...


DIGESTÃO DA AMÉLIA (Amélia)

Nunca vi fazer tanta insulina

Nem fazer tanta enzima, rapaz
O pâncreas sintetiza a tripsina
Lipase, amilase e outras enzimas mais

Você na boca produz pitalina
Que o amido faz digestão
No estômago fabrica a pepsina
E a erepsina no “intestinão”

Enzima que tem o fina em “psina”
Só de proteínas faz digestão
A bile do fígado não é enzima
Mas emulsiona qualquer gorgurão

Enzima é que é proteína de verdade
Reação aumenta de velocidade.

FESTA NA CIRCULAÇÃO DOS MAMÍFEROS (Festa do Bolinha)

Do ventrículo direito
Pela artéria pulmonar
O sangue venoso
Ao pulmão vai chegar
Sofre hematose
e depois então
pela veia pulmonar
retorna ao coração
Do átrio esquerdo
passa pela mitral
Desce ao ventrículo
O sangue arterial
Chega na aorta
pra depois então
De oxigênio
fazer a distribuição
O sangue venoso
volta ao coração
vem pela cava
Átrio direito então
todinha, fechada
dupla e completa
São duas circulações
Que vamos estudar
Uma á a sistêmica
a outra, pulmonar

I-LÁ-RIÊ


Tá na hora, tá na hora

Desse sangue circular
Do ventrículo direito
Para a  artéria pulmonar

Do pulmão sai uma veia
Que também chama pulmonar
Átrio e ventrículo esquerdo
Para aorta via bombear

Através da veia cava
Sangue pode retornar
Para o átrio direito
Pra tudo recomeçar.



FESTA NA CIRCULAÇÃO DOS MAMÍFEROS (Festa do Bolinha)

Do ventrículo direito
Pela artéria pulmonar
O sangue venoso
Ao pulmão vai chegar
Sofre hematose
e depois então
pela veia pulmonar
retorna ao coração
Do átrio esquerdo
passa pela mitral
Desce ao ventrículo
O sangue arterial
Chega na aorta
pra depois então
De oxigênio
fazer a distribuição
O sangue venoso
volta ao coração
vem pela cava
Átrio direito então
todinha, fechada
dupla e completa
São duas circulações
Que vamos estudar
Uma á a sistêmica
a outra, pulmonar

I-LÁ-RIÊ


Tá na hora, tá na hora

Desse sangue circular
Do ventrículo direito
Para a  artéria pulmonar

Do pulmão sai uma veia
Que também chama pulmonar
Átrio e ventrículo esquerdo
Para aorta via bombear

Através da veia cava
Sangue pode retornar
Para o átrio direito
Pra tudo recomeçar.

INSETO, EU QUERO


Mamãe eu quero

Mamãe eu quero

Mamãe eu quero respirar

Pela placenta
Pela placenta
Pela placenta a uréia vai passar
Com a sudorípara faz transpiração
Usa o diafragma na respiração
Eu tenho hemácia que é anucleada
A aorta pra esquerda
Dá uma virada

O TEGUMENTO NÃO NEGA


O tegumento não nega, mulata

Tu tens melanina na cor
E no calor, transpiras mulata
Que é pra eliminar o calor
Quando esta frio
Entra em ação tua vasoconstricção
A hipoderme é um isolante “bão”
Ave e mamífero
Homeotérmico(s) eles são.

RESPIRAÇÃO CELULAR (Copa 90)

Quando a glicose cai no citoplasma
É no hialoplasma que começa a respiração
Cai na matriz dentro da Mitocôndria
O Ácido Pirúvico pra entrar no ciclo de Krebs
Todo hidrogênio que foi captado pelo
NAD e o FAD, vai passar pro
ocorrendo fosforilação, forma ATP
E lembra um “3 oitão”
Sobra água desta reação
O nosso gás vem da respiração

O PLASMANELA


O Plasmanela meu estudo percebeu que não há transporte ativo sem o gasto de ATPêêê...
E a ameba pra poder se alimentar, usam a fagocitose pro alimento englobar.

R N Am

Pelo citoplasma eu vou bem sozinho levar a mensagem para o ribossomo ele mora longe lá no ergastoplasma e uma proteína ele vai produzir.
E a proteína que for produzida pode ser enzima indispensável à vida.


CIRANDA – CIRANDINHA – MUSCULAR


Actina e Miosina para o Músculo trabalhar

Utilizam energia que o ATP deixa pegar
E quando ele relaxa, o ATP recarregou, o corpo deu energia que ADP logo aceitou
Se acumula ácido lático é porque já fatigou
E se não mais relaxar é contratura muscular.

PROTEÍNA C – TEGUMENTO E ESQUELETO


Olelê Olalá, Proteína é importante na estrutura celular

Tem função enzimática, tem função hormonal
Forma os lindos anticorpos
Ela é sensacional
Toda enzima é proteína
O contrário está errado
E a queratina é a proteína do tegumento do vertebrado
No tegumento do mamífero
Você vai encontrar, uma rica hipoderme
Com gordura pra isolar
Epiderme vem da ECTO
E a MESO vai formar
A DERME e a HIPO
Para a pele completar.

MAMÃE EU QUERO – MAMÍFEROS


Mamãe eu quero / mamãe eu quero / mamãe eu quero excretar.
Pela placenta / pela placenta / pela placenta a uréia vai passar.
Coma a sudorípara / faz transpiração / usa o diafragma / na respiração /
eu tenho hemácia / que é anucleada / a aorta para esquerda / dá uma virada.

MÁSCARA NEGRA


Tanto o musgo

Como a samambaia
Precis’água pra fecundação
Gametófito é n
Esporófito é 2n
Alternância de geração.

MARCHA DOS ORGANÓIDES


É hoje que a mitocôndria

Faz o ATP, eu vou respirar
Enquanto que o ribossomo
A proteína ele vai sintetizar
Golgi, armazenar
Pra depois secretar
Libossomo vai o alimento quebrar
Tim-tim...
Centríolo divide a célula, sim
Tim-tim...
Centríolo fabrica o flagelo assim...

O TEGUMENTO NÃO NEGA


O tegumento não nega, mulata

Tu tens melanina na cor
E no calor, transpiras mulata
Que é pra eliminar o calor
Quando esta frio
Entra em ação tua vasoconstricção
A hipoderme é um isolante “bão”
Ave e mamífero
Homeotérmico(s) eles são.

PRA FRENTE GLÓBULOS BRANCOS


Sistema aberto em ação

Molusco e artrópode
Anelídeo, não
Todo vertebrado
Sistema fechado
De circulação
Novamente
O ventrículo esquerdo da gente
Bombeia pra aorta
Com alta pressão
Hemácia faz oxigenação
Plaqueta, coagulação
Vamos juntos, vamos
Pra frente leucócitos, leucócitos
Contra a infecção.



CARANGUEJO CRUSTÁCEO É – RODA-RODA


Camarão tem glândula verde

Para amônia eliminar
A minhoca tem nefrídio
Que usa para excretar
Os insetos Túbulos de Malpighi
Respiração que é traqueal
A planária célula flama
A aranha glândula coxal
O homem produz amônia
No meio intracelular
O fígado muda pra uréia
Que o rim vai excretar

CADEIA RESPIRATÓRIA


Muitos peixes e alguns moluscos

Usam brânquias na respiração
E a aranha está usando sua filotraquéia
E o homem o seu pulmão
E a minhoca outra vez, com seu sangue atuando
Pelo tegumento respirar
Eu sou aquele O2
Que no corpo entrou
E da respiração participou
Na mesma cadeia respiratória
Que ocorre na célula
Vou fofoliar agora, não me leve a mal
RESPIRAÇÃO É VITAL.

MOLUSCO DA XUXA


Tá na hora tá na hora / de uma pérola formar / Envolvendo uma pedrinha / o manto vai secretar (bis)

Com a rádula / o caracol o alimento vai raspar
O danado do gastrópode / tem pulmão pra respirar / e láriláriláriê,
Oôô / que delícia de marisco / polvo e escargot.

GUGU LIBERATO – CARACTERÍSTICAS DAS AVES


Passarinho quer voar / ar no osso armazenar / porque vai favorecer,
tchu, tchu, tchu, tchu / a bexiga não terá / ácido úrico excretará /
mais leve vai viver, tchu, tchu, tchu.
Seu corpinho quer subir / as asinhas sacudir / nictante proteger,
tchu, tchu, tchu, tchu.
Saco aéreo vai ter ar / dois saltinhos só pra ver / vamos voar
É dia de festa / seringe vai vibrar / e depois voar o azul /
no céu de norte a sul / fezes soltar...

O IMPULSO QUE SEGUIU


Chegou, o impulso no dentrito

Passou pro corpo e seguiu
Pro axônio e sinapse, olha aí
Lá se foi mais um, mais mil
Secreta adrenalina
Ou acetil-colina
E assim mais um impulso
Passoooouuuuu...

SINOS DE BELÉM


O encéfalo é formado

Lembre sempre bem
Pelo cérebro, cerebelo
E bulbo também
O encéfalo, junto com
Medula espinhal
Constituem o sistema
Nervoso central
O sistema autônomo
Tem duas divisões
Uma é simpático
Que acelera os corações
O parassimpático
Pra contrabalançar
Faz o coração
Bater mais devagar.

REFLEXO DE NATAL


Aconteceu
Martelo bateu
Impulso formou
A se propagar
Papai Noel
Me ajuda a lembrar
De arco reflexo
No vestibular
O impulso quando sai
Sai de um receptor e vai
O caminho é sempre igual
Neurônio sensorial
Até a medula espinhal
Depois disso passa então
Pro neurônio de associação
E depois para o motor
Que é estimulador
Do seu órgão efetor.

CHORDADO (Itororó)

Eu fui ver um cordado              |
tubo neural dorsal achei           | BIS
com brânquias na faringe         |
e notocorda observei                |

Todo vertebrado é um cordado |
mas nem todo cordado              |  BIS
é um vertebrado                        |

Crânio, encéfalo e coluna          |
nos vertebrados vão estar          |  BIS
porém no anfioxo                     |
eles vão faltar                

ESPONJA ENGRAÇADA (A Casa)

Era uma esponja
muito engraçada
não tinha tecido
não tinha nada
não tinha estrutura para respiração
nem qualquer órgão para excreção
não tinha nervos, mesmo em rede
nem capilares na sua parede
e não tinha celoma alí
de onde poder retirar xixi
mas tinha gêmula para reprodução
e coanócito para digestão
mas tinha gêmula para reprodução
e coanócito para digestão

PASSARINHO (Dança do Passarinho)

Passarinho quer voar, ar no osso armazenar

Porque vai favorecer
Tchu, tchu, tchu, tchu
A bexiga não terá, ácido úrico excretará,
Mais leves vai viver
Tchu, tchu, tchu, tchu
Seu corpinho que subir, as asinhas sacudir,
Nictante proteger
Tchu, tchu, tchu, tchu
Saco aéreo vai ter ar, dois saltinhos só pra ver
Vamos voar

é dia de festa
Siringe vai vibrar e depois voar
No azul no céu de norte a sul
Fezes soltar

TODO RÉPTIL TÁ FELIZ (Ta Feliz)

Todo réptil ta feliz, tá feliz

Seu embrião quer excretar, excretar

No alantóide ele quis  } BIS

Ácido úrico armazenar
Palmas pro córion
Saudando o âmnion
Ovo com casca e saco vitelínico

Ele conseguiu na evolução  | BIS
Fez interna sua fecundação |

VAI, COM JEITO VAI

Sai a blástula sai

Num outro dia, pra gástrula vai
Embrião!

Se o ectoderma vai forma
Sistema nervoso na nêurula
E o endoderma vai formar
O intestino, o fígado e o pâncreas
Também originar embrião...

EQUINODERMA


Eqüino derma                        |

invertebrado marinho    |  BIS
com o pé ambulacrário  |
anda devagarinho      |

Deuterostômico                                 |
quebra o alimento com vigor  |  BIS
tem a lanterna de Aristóteles   |
órgão mastigador                   |

PEIXES CARTILAGINOSOS

Raia, tubarão, quimera, cação
Bexiga natatória não tem não
Eliminam a uréia de montão
Escamas placóide para proteção
boca ventral para ingestão
Cinco pares branquiais para respiração
Apresentam tiflósoles para absorção
Só que a Quimera é exceção

OVO MARAVILHOSO (Cidade Maravilhosa)

Ovo oligolécito
Sofre clivagem total
Forma os seus blastômeros
Todos de tamanho igual.

O blasócito
Chega ao útero
para sua implantação
Seu trofodrema ajuda
a nutrir o embrião


DOENÇA DE CHAGAS


Triatoma infestans

Panstrongylus megistus
você sabe como transmitir

o tripanossomo

Trypanossoma cruzi
causa da Doença de Chagas
e tem como patologia
uma cardiomegalia

AMOR FISIOLÓGICO


Quando vejo sua imagem se projetar

em minhas retinas (na mácula lútea)
Numa perfeita harmonia da íris da
córnea e do cristalino, para focar
a imagem que será mandada ao cérebro
através do nervo óptico.
Quando ouço sua voz que penetra pelo
pavilhão auditivo, atinge meus tímpanos
que vibra excitando a bigorna, estribo
e martelo no ouvido médio, transmitindo
sinais à cóclea e ai ao cérebro.
Sinto meu coração (composto de 2 átrios e 2 ventrículos)
fazer um profundo movimento de sístole,
seguindo por uma longa diástole.
Quando te beijo, minha língua com suas
papilas gustativas consegue sentir teus sabores
No fundo és amarga, na lateral azeda, no centro
salgada, mas na frente és suavemente doce.
Tua presença basta para que meu epitélio olfativo
estimulado por tuas substâncias voláteis, façam dos
teus odores naturais, mais animais.


O CICLO VELHO (Adeus Ano Velho)

Adeus Ciclo velho

feliz Ciclo novo
que tudo se realize
no ciclo que vai ocorrer
a hipófise lança FSH
folículo começa a crescer
e o folículo produz então
estrógeno logo em seguida
prepara o útero, dá o instinto
para garantir nova vida

Já acabou ciclo velho
está no meio do ciclo novo
o óvulo está maduro
e pronto para descer
a hipófise lança LH
ovulação já vai ocorrer

O corpo lúteo já se formou
progesterona está de saída
fecundação ocorrer então
na trompa inicia uma vida

Já acabou o ciclo velho
está no meio do ciclo novo
ocorreu fecundação
corpo lúteo vai permanecer
a hipófise lança LTH
o peito leite vai ter

Se não ocorre a fecundação
taxa de hormônios, cai em seguida
e acontece a menstruação
endométrio está de partida

SELEÇÃO DE 70


Sistema aberto em ação

Molusco e Artrópode
Anelídeo, não

Todo vertebrado
Sistema fechado
De circulação

Novamente
O ventrículo esquerdo da gente
Bombeia pra aorta
com alta pressão
Hemácia faz oxigenação
Plaqueta, coagulação

Todos juntos, vamos
Pra frente, Glóbulos Brancos
Contra a infecção

VOLTA ÀS AULAS (MAPPIM)

Cor da Pele Humana
É Polimeria,
E o Daltonismo e a Hemofilia
É ligado ao sexo
E a Polialelia
Mexe com a circulação sangüínea (ABO)

Gen de efeito múltiplo
É Pleiotropia
Não forma outro alelo
É epstasia
Células somáticas
Corpúsculos de Barr
Codominância
MN vai formar

ADOCICA


Há permuta na meiose

Há permuta
Há permuta na meiose
e recombina

Homólogos se separando
Na anáfase I é legal
Irmãs se distanciando
Na anáfase II é normal.

AUXINA DE IPANEMA (Garota de Ipanema)

Olha que coisa mais linda

Mais cheia de graça
É ele, auxina, que migra, que passa
Para o outro lado
ao iluminar

Planta, quando é colocada deitada, morena
Não importa o tamanho, se é grande ou pequena
Vem a gravidade o AI A puxar

Ah, esse tal geotropismo
Ah, esse tal fototropismo
Se aproxima, é porque é positivo
Se afasta, é porque é negativo

Ah, se planta soubesse
O que acontece
Quando se põe o AIA
No caule ele cresce
Mas lá na raiz

Ele é inibidor...


AUXINA


Pulverizando, auxina

Nas plantas do meu jardim
Frutos, folhinhas
Não caem ao léu
E os caules crescem
Pra perto do céu

E se a gente poda
Nossa plantinha
Adeus gema apical
Não tem mais AIA
E desenvolve
A tal gema lateral

FESTA DA CHUVA (Festa da Xuxa)

E toda planta vive de fotossíntese  |  BIS

E usa água da chuva                       |

Lamela média, Adesão
E a celulose, Proteção
Que faz sustentação, ão, ão, ão...

Os cloroplastos tem clorofila
E os tilacóides agrupados em pilha

E toda planta vive de fotossíntese  |  BIS

E usa água da chuva                       |


MAMÃE EU QUERO DNA (Mamãe eu quero)

DNA faz transcrição    }BIS

E ainda a replicação

Porque a célula            } BIS
tem que fazer a tal divisão
Chega a adenina e liga com a timina
Vem a citosina procura a guanina
Isso se for na replicação
Porque na transcrição a timina
não entra não.

MÁSCARA NEGRA

Tanto o Musgo, como a Samambaia

Precisam de água pra reprodução

Gametófito é (n), Esporófito é (2n)
Alternância de Gerações
Metagênese!

MATRIMÔNIO NA ROÇA


Pra ocorrer maturação

De banana ou mamão
O hormônio é etileno
Pra que ocorra floração
É importante a duração
Dia grande ou pequeno
Se falta iluminação
Durante a germinação
Acontece o estiolamento
E a Giberelina, irmão
bão, bão, bão, bão
Estimula o crescimento

MEIOSE DA XUXA (Ilá-ri-ê)

Tá na hora (BIS)
Da Meiose começar
Cromossomos em Sinapse
Pedacinhos vão trocar
Cromossomos duplicados
Na Ana-I, preste atenção.
Estão sendo separados,
ocorrendo DISJUNÇÃO.

Tá na hora (BIS)
Da Ana-II se apresentar
Lembre que agora é hora
Do centrômero duplicar
São puxadas as cromátides
Ocorre a separação
Cromossomos são formados
filhos dessa Divisão.

Ilarilarilariê – ooô
Reduziu pela metade
E quatro células formou.

MÚSICA DA SELEÇÃO DE 70


Tem semente é baga

Caroço é drupa
O exemplo é a manga
Se não come o pedúnculo
O exemplo é caju
Morango outro tipo de pseudofruto
Tem muitos frutículos num morango só
Todos contidos no receptáculo
Fruto é dividido em:
Meso, endo, epicarpo
Ovário de banana, limão tati
Não são fecundados
O ovário se desenvolve na presença do AIA
E quem falar quem tem caroço
Merece uma vaia

BIS   | Todo o fruto é, ovário crescido
| Após a fecundação

O PLASTO ( O Pato)

O Plasto

Só é encontrado em vegetais
Possui dois tipos principais
Cloroplasto e Leucoplasto
E viva o Plasto!

O tal de cloroplasto
tem DNA e RNA
E serve pra fotossintetizar
O Leucoplasto
É chamado de Gão-de-amido
Pois armazena
Esse polissacarídeo
Vacúolo serve pra armazenar
e pra osmose regular
Que faz fotólise da água
Dando
 

Na etapa Escura ou etapa Química, trá, lá, lá, lá
O    vai sofrer a redução, trá, lá, lá, lá
O carboidrato, surge então
Tem que ter ATP
Pra essa reação.



"HORMÔNIOS"
"SALVE AINSULINA
QUE O PÂNCREAS FABRICA AOS MONTÕES
SE NÃO FABRICA
DIABETES VÊM; CONPLICAÇÕES
E A ADRENALINA
É FEITA NA SUPRARENAL
TIROXINA
TIREÓIDE, BÓCIO, IODO E SAL. "



"ENCÉFALO"
"O ENCÉFALOÉ FORMADO
LEMBRE SEMPRE BEM
PELO CÉREBRO, CEREBELO
E BULBO TAMBÉM
O ENCÉFALO JUNTO COM A MEDULA ESPINHAL
FORMA O SISTEMA
NERVOSO CENTRAL."






2 comentários:

  1. concerteza usarei em minhas aulas....

    ResponderExcluir
  2. Qual a do transporte ativo???

    ResponderExcluir